Indicações de Romeu Zema escancaram seu compromisso com o lobby da mineração

Romeu Zema, um grande empresário de um conglomerado centenário com faturamento anual de R$ 4,5 bilhões de Minas Gerais, foi eleito seguindo a cartilha suspeita de se apresentar como “outsider” e “novato” na política, exatamente o mote do partido pelo qual se elegeu, o Novo, um amontado de gente “bem intencionada” do mercado financeiro. O […]

Leia Mais

Foi preciso 177 mortos para que o PL que endurece regras para barragens fosse aprovado na Assembleia de Minas Gerais

Em julho de 2018 um parecer que incorporava propostas mais duras para barragens existentes e futuras foi rejeitado por 3 votos a 1 na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Votaram contra o texto do relator João Vitor Xavier (PSDB) para o PL 3676/2016 os deputados Gil Pereira (PP), Thiago Cota (MDB) e Tadeu Martins Leite […]

Leia Mais

Investigação do Observatório, publicada por Repórter Brasil e Folha de S. Paulo, mostra que Vale ditou regras de licenciamento ambiental em MG

Uma investigação exclusiva do Observatório da Mineração mostra que a Vale ditou regras de licenciamento ambiental para o governo de Minas Gerais em 2014 em reunião dentro da SEMAD. Posteriormente, essas sugestões foram aceitas e incorporadas em leis que abriram caminho para a simplificação de processos e aceleração de licenciamento. Ata e áudio obtido pelo […]

Leia Mais

Ministro de Minas e Energia se reuniu com mineradoras um dia antes do rompimento da barragem em Brumadinho. E não parou por aí.

Recém anunciado no cargo, o almirante Bento Albuquerque não perdeu tempo em receber no Ministério de Minas e Energia representantes do setor minerário. É o seu trabalho, afinal. Realizar a interlocução com um setor central da economia brasileira é atribuição chave do ministro responsável por gerir o ministério que gerencia todos os principais órgãos vinculados […]

Leia Mais

A Vale é grande demais para ser condenada. É nisso que acredita Fábio Schvartsman

Há uma expressão muito conhecida no mundo que diz que determinada firma é “too big to fail”. Em tradução livre: grande demais para quebrar. O termo define casos em que determinada empresa é tão grande e sistemicamente importante para a economia de um país que caso ela quebre os impactos seriam desastrosos e sentidos em […]

Leia Mais

Impune, Vale pagou R$ 12,4 milhões para cada diretor em 2017. Ex-presidente levou R$ 60 milhões

1.197 dias depois do que era até então o maior crime socioambiental da história do país, que matou 19 pessoas e engoliu por 700 quilômetros toda a bacia hidrográfica do Rio Doce até o Oceano Atlântico, a vida tem sido generosa para Murilo Ferreira, presidente da Vale durante o rompimento da barragem de Fundão em […]

Leia Mais

Artigo do Observatório sobre o caso da Vale em Brumadinho é traduzido e publicado em dois sites alemães

O artigo “A sirene novamente não tocou. A Vale precisa ser interditada”, publicado aqui no site em 26 de janeiro, logo após o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, foi gentilmente traduzido em alemão pela pesquisadora Petra Tapia, da Heinrich Böll Stiftung, uma das principais ONG’s da Alemanha. O primeiro a publicar foi o […]

Leia Mais

Estudo de 2010 já mostrava possibilidade de rompimento na barragem da Vale em Brumadinho

Washington Pirete da Silva, geotécnico da Vale há mais de 20 anos, apresentou em 2010 na Universidade Federal de Ouro Preto uma dissertação que analisou justamente a Barragem I da Vale no complexo da Mina do Feijão em Brumadinho, a mesma que rompeu no último dia 25. Intitulado “Estudo do potencial de liquefação estática de uma […]

Leia Mais

Em parceria com o Intercept Brasil, Observatório mostra a pressão da Vale/BHP para que prefeitos desistam de ações judiciais no Brasil e exterior no caso de Mariana

No Intercept Brasil, acabo de publicar uma reportagem que mostra em detalhes como a Vale/BHP/Samarco pressiona prefeitos de cidades atingidas para tentar faze-los desistir de ações judiciais no Brasil e no Reino Unido. Pela Fundação Renova, as maiores mineradoras do mundo colocaram como condição do pagamento de indenização para os gastos extras que as prefeituras […]

Leia Mais

Vale não assume responsabilidade. Corpos são resgatados aos pedaços. Até quando a justiça será conivente?

A história se repete como tragédia, como farsa, como crime. Mais de 3 anos depois de Mariana, a postura da Vale segue exatamente a mesma: omissão, desfaçatez, escárnio. “A Vale não enxerga razões determinantes de sua responsabilidade. Não houve negligência, imprudência, imperícia”, afirma Sergio Bermudes, um dos principais advogados da Vale. “Por que uma barragem […]

Leia Mais